quarta-feira , 16 de janeiro de 2008

Verão. Calor. É possível economizar luz.

O verão chegou mesmo. Com suas chuvas intensas e com o sol a pino. Ai, não tem jeito, é ventilador, ar condicionado, água gelada… Se não há mesmo como escapar deste gasto de energia, tente, então, economizar no uso das lâmpadas de sua residência, aproveitando, inclusive, o horário de verão. Aliás, aqui vai uma dica para o ano todo.

De acordo com as orientações do IDEC (Instituto de Defesa do Consumidor), publicadas no Consumidor SA On line, é possível gastar menos na conta de luz. Para isto, basta apenas observar alguns cuidados. Veja as dicas a seguir:
Economia e eficiência

No Brasil, cerca de 30% da energia elétrica gasta em uma residência é utilizada para a iluminação. É possível diminuir este gasto em até 25%, usando lâmpadas eficientes e tomando alguns cuidados para evitar um consumo desnecessário.

1. Verifique se é possível usar lâmpadas de menor potência (60W ao invés de 75W, por exemplo). Não é necessário que a casa fique totalmente iluminada. Lugares de passagem, como corredores, não necessitam de tanta luz quanto uma cozinha.
2. Em locais onde as lâmpadas ficam acesas por mais de duas horas, é melhor utilizar fluorescentes tubulares ou compactas, que são mais econômicas.
3. Já em locais onde as lâmpadas são ligadas e desligadas constantemente, as incandescentes são as recomendadas. Luzes fluorescentes não devem ser usadas em lugares onde sejam acionadas constantemente e por períodos curtos porque isso diminui o seu tempo de vida.
4. Não deixe lâmpadas acesas sem necessidade, mesmo as de baixo consumo.
5. Ao invés de deixar uma lâmpada potente acesa a noite inteira, utilize as sinalizadoras de baixa potência ou incandescentes de 5W.
6. Experimente mudar o lugar e a posição da luminária. Pode-se aproveitar melhor a luz com menos lâmpadas ou potência.
7. Evite pintar os tetos e paredes internas com cores escuras, pois serão necessárias lâmpadas mais potentes para iluminar adequadamente o ambiente. Utilize ao máximo a iluminação natural, aproveitando as janelas do local.
8. Use os dimmers, se necessário – são os dispositivos que permitem controlar a intensidade das lâmpadas incandescentes. O consumo varia proporcionalmente. Limpe as luminárias e as lâmpadas regularmente, mas não se esqueça de, primeiro, desligar a energia.”

A matéria traz também outras dicas sobre como iluminar sua casa, sobre as lâmpadas ideais para cada ambiente e até sobre a posição da luz. Veja a matéria completa no site do IDEC aqui .

Outra dica interessante é sobre o reaproveitamento de lâmpadas fluorescentes. Para saber mais sobre o assunto, clique aqui .

E você? Costuma se preocupar com estes gastos? Faz alguma coisa para economizar?

Se você tem uma dica legal de economia, conte. Ficarei feliz em receber sua colaboração.

quinta-feira , 10 de janeiro de 2008

Boa dica. Anote!

...continue lendo
segunda-feira , 7 de janeiro de 2008

Aos pouquinhos o ano começa de verdade. Vem ai: Volta às aulas!

...continue lendo
quarta-feira , 2 de janeiro de 2008

Enfim… 2008!

...continue lendo
domingo , 23 de dezembro de 2007

Feliz Natal e um 2008 inesquecível!

...continue lendo
© TeleListas 2019.