segunda-feira , 10 de outubro de 2016

Conheça os hábitos que ajudam na cura da depressão

cura da depressão
De acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), até 2020 a depressão será a doença mais incapacitante. Sim, uma doença. Ao contrário do que muitos pensam, a depressão não é só uma tristeza passageira ou uma frescura, mas sim um distúrbio que afeta diretamente a qualidade de vida.

Além da tristeza, quem sofre de depressão também pode ter desânimo, cansaço extremo e até mesmo pensamentos suicidas. Com o transtorno, há a perda de interesse nas atividades que antes eram agradáveis e assim, o indivíduo tende a se isolar mais.

Essas sensações são causadas por alterações químicas que resultam no desequilíbrio da liberação de certos neurotransmissores, como a serotonina – substância que causa sensação de felicidade e bem-estar. Para tratar, é preciso acompanhamento do psicólogo e em alguns casos, é necessário fazer intervenção com medicamentos controlados.

Hoje, no Dia Mundial da Saúde Mental, trouxemos alguns hábitos que auxiliam na melhora da qualidade de vida e consequentemente, combatem a depressão. Confira!

1 – Exercícios Físicos

Os exercícios físicos estimulam a liberação de endorfina e serotonina, ajudando a reverter as sensações causadas pela depressão. Além disso, ao exercitar nosso corpo não ajudamos só o lado psicológico, mas também o lado físico. Temos mais disposição e vemos o resultado também pelo aspecto estético, ajudando a melhorar a auto-estima e consequentemente, a sensação de bem-estar.

2 – Crie uma rotina

Com a depressão, a perda de interesse pelas atividades diárias é constante. O paciente pode perder a vontade de trabalhar, fazer tarefas domésticas, de estudar e até mesmo de ter seu tempo de lazer e acaba procrastinando. Ao estabelecer uma rotina e segui-la fielmente como uma espécie de agenda, o paciente terá a sensação de que sua vida está voltando aos eixos e terá mais facilidade para reagir.

3 – Evite o consumo de álcool

O álcool gera a sensação de descontração e felicidade – sentimentos raros para quem tem depressão. Por isso, o paciente pode acabar associando o consumo de álcool ao bem estar e acabar criando uma dependência. Por outro lado, o álcool pode despertar os sentimentos depressivos causando tristeza e crises de choro. Em nenhum dos cenários o consumo do álcool tem bons resultados, então, o ideal é sempre evitá-lo.

4 – Retome os hobbies

Não é só o trabalho e o estudo que são evitados por quem tem depressão. Até mesmo os hobbies e atividades de lazer são deixadas para trás por conta do desânimo constante. Não é fácil, mas o ideal é incluir aos poucos na sua rotina seus antigos hobbies e atividades de lazer. Dança, artesanato, leitura, escrita, culinária ou qualquer outra atividade que ajude o cérebro a se distrair tá valendo. O importante é focar em atividades que não despertem sentimentos negativos.

Com a mudança de hábitos, aos poucos, é possível ter uma melhora geral e voltar a ver as coisas bonitas da vida, mas gostaríamos de lembrar que é indispensável consultar-se com um profissional da área de saúde mental.

Se você acredita sofrer de depressão, não tenha vergonha e busque um psicólogo. No portal TeleListas.net, você pode encontrar consultórios de psicologia pertinho de você. Nossa saúde vem sempre em primeiro lugar!

Matérias Relacionadas

Os comentários estão desativados.

© TeleListas 2019.