terça-feira , 24 de maio de 2016

Adotou um pet? Veja os cuidados essenciais!

Blog_530x330_abandono

 

A Organização Mundial da Saúde estima que só no Brasil existam mais de 30 milhões de animais abandonados, entre 10 milhões de gatos e 20 milhões de cães. Além de conscientizar a população contra o abandono, só existe outra solução para este problema: a adoção.

A adoção significa que, além de adotar o animalzinho, você está adotando também a responsabilidade de arcar com todos os cuidados necessários para protegê-lo e dar a ele a melhor qualidade de vida possível. Se você tira o animal de uma condição precária e o coloca em outra situação de condição precária, você não está cooperando com o problema, mas sim perpetuando o problema, por isso, é necessário ter em mente que a adoção consciente vai muito além do simples ato de trazer um bichinho para dentro de casa.

Se você adotou ou pretende adotar um animalzinho mas não sabe o que precisa fazer para dar a ele a vidinha que ele sempre sonhou, confira nossas dicas:

1 – Segurança

Sua casa precisa estar pronta para receber o pet que você adotou, pois principalmente gatos e alguns cães (dependendo do tamanho) têm mania de passear pelo parapeito da janela ou pela varanda, correndo riscos de acidentes, por isso, é muito importante telar as janelas e varandas do seu apartamento. Para quem mora em casa, apesar de não ter problemas com a altura, o ideal também é telar as janelas e portões para evitar a fuga do seu animalzinho. Dizem que os gatos que moram em casa têm o hábito de passear mas sempre retornam ao lar, mas mesmo assim, não devemos deixá-los sair. Ao estar na rua, o gato fica vulnerável a pegar algumas doenças como esporiotricose, que pode chegar a atingir humanos, além de fungos nas patas e outros problemas. Ao criar um gato sem tela em casa, é preciso aprender a controlá-lo para que ele não saia; o que pode ser bem complicado.

2 – Saúde

Vermífugos e vacinas são imprescindíveis e por isso, é fundamental levar seu pet ao veterinário. Além disso, a castração também é muito importante e ao contrário do que muitos dizem, é fundamental para a melhora na qualidade de vida do animal. No caso de cadelas e gatas, por exemplo, a castração pode reduzir as chances de tumor de mamas e tumores e cistos nos ovários. Outro benefício da castração é evitar o aumento do abandono animal, já que você evita o nascimento de filhotinhos que você provavelmente não poderia manter e nem sempre aparece alguém querendo adotar.

3 – Alimentação 

Cães e gatos devem receber diariamente ração (de qualidade) específica para seu porte e raça de 4 a 6 vezes por dia, em potinhos limpos e secos. Eles precisam também de água sempre fresquinha. No caso dos gatos, a atenção deve ser redobrada pois os felinos têm tendência ao desenvolvimento de problemas renais, sendo assim, precisam beber muita água e comer sempre ração de qualidade.

4 – Como ensinar a fazer as necessidades no lugar certo?

Gatos – Os gatos geralmente são animais muito limpos e por isso, têm mais facilidade em fazer as necessidades na caixinha de areia. Para ensinar, é muito simples. Coloque o animal na caixinha de areia para que ele se habitue e mexa sempre na areia para que ele veja o que é. Sempre que ele terminar de comer, beber água ou acordar, ele pode querer fazer suas necessidades, então, leve-o até a caixinha. Desta forma, ele vai se acostumar e ver que pode usar como banheiro. Dica: Compre uma caixa grande para que ao cavar a areia, seu gato não faça sujeira deixando cair areia fora da caixa. Além disso, coloque-a em um lugar calmo da casa, pois eles gostam de privacidade.

Cães – Os cães são muito territoriais e quando fazem suas necessidades em um lugar, tendem a retornar ao mesmo lugar nas próximas vezes que sentirem vontade. Por isso, ao ver que seu cão fez suas necessidades em um local errado, forre esse local com o jornal para que ele associe o ato de urinar ou evacuar com o jornal. É bom também ficar de olho no seu cachorro e quando reparar que ele vai começar a fazer suas necessidades em um local que não deve, leve-o imediatamente até o jornal. Atualmente o mercado voltado para animais conta com produtos como tapete higiênico, caminhas de grama e sprays que educam pelo cheiro. Assim fica muito mais fácil ensiná-lo. Com o tempo, ele vai começar a buscar o jornal por conta própria e você pode recompensá-lo com carinho e petiscos como um reforço positivo pelo comportamento adequado.

Ao adotar um bichinho de estimação, estes são os primeiros cuidados a serem tomados para receber seu cão ou gato com a estrutura que ele precisa. A longo prazo, outros cuidados virão, e é obrigatório fazer consultas rotineiras com o veterinário para fazer um check-up na saúde e no caso dos cães, passear diariamente. Aqui no blog fizemos uma matéria sobre como levar seu pet para viajar de carro e outra sobre os malefícios do chocolate aos pets, que podem ser muito úteis se você adotou ou pretende adotar um bichinho.

Além do nosso blog, o Portal TeleListas.net também pode ser de grande ajuda, pois você pode encontrar pertinho de você pet shops, hotéis para animais, veterinários, produtos veterinários e muito mais. Para quem não larga o celular, a melhor opção é fazer download do nosso aplicativo, disponível para iOS, Android e Windows Phone!

app

 

Matérias Relacionadas

Os comentários estão desativados.

© TeleListas 2019.