terça-feira , 28 de abril de 2015

Dicas para fazer trilhas rápidas perto de sua cidade

Imagem: pixabay

Acabamos de voltar de um feriado, mas 2015 está sendo generoso e já nos presenteia com outro dia de descanso. Merecido, por sinal. O dia do trabalhador vem aí, e nada como tirar esse dia para viajar e aproveitar a vida fora do escritório. Infelizmente nem todo mundo está com o orçamento livre para viajar. Mas não é por isso que você vai passar o feriado preso em casa, assistindo televisão.

Aproveite a folga para conhecer melhor a sua cidade e redondezas. Se o tempo estiver firme, uma boa opção é procurar uma trilha por perto para fazer com amigos e família. Um programa barato, saudável e que vai render momentos memoráveis, assim como te oferecer um novo olhar sobre o lugar onde você mora.

Para aproveitar o feriado da melhor maneira, preparamos algumas dicas para você se preparar desde já.

Informe-se

Antes de escolher qual trilha você quer seguir, pesquise sobre. Se é uma subida leve ou íngreme, quanto tempo de duração, qual a qualidade e situação atual das trilhas. É fácil se informar em fóruns online que reúnem entusiastas de trilhas e camping. É bom estar preparado para qualquer situação que possa ocorrer durante o passeio. Agências de ecoturismo também são uma boa opção para se informar e quem sabe conseguir o contato de um guia.

Fique atento ao clima

Fazer trilhas em dias chuvosos ou posteriores a fortes chuvas, além de ser incômodo, pode ser muito perigoso. A terra molhada deixa a trilha escorregadia, dificulta a subida e aumenta a probabilidade de quedas. Além disso é necessário ter cuidado com a formação de cabeças d’água, no caso de trilhas com cachoeiras e rios.

Vista-se adequadamente

Roupas leves sempre são a recomendação padrão. Dê preferência para tecidos naturais, como o algodão, que evitam a transpiração excessiva. Procure usar cores mais claras para não absorver tanto o calor. Em caso de trilhas mais complexas, com mata fechada, prefira cores fortes que facilitem a identificação e localização. Use tênis confortáveis. Se tiver vontade de se aventurar com mais freqüência no mundo das trilhas, vale a pena investir em uma bota apropriada para trekking.

Alimente-se bem

A preocupação com alimentação deve começar no dia anterior à trilha. Evite alimentos que possam causar uma má digestão. Dê preferência a pratos que já esteja acostumado, e ricos em carboidratos como massas e tubérculos. Pela manhã, sucos e lanches leves são uma boa opção. Leve alimentos fáceis de carregar e que não exijam muitos cuidados com temperatura e armazenamento como: frutas secas, banana, barra de cereais, sanduíches bem embalados e de baixa perecibilidade.

Na mochila

Primeiramente, escolha uma mochila confortável, leve e resistente. Escolha bem o que vai levar. Iniciantes costumam encher a mochila com lanchinhos e mudas de roupa, mas esquecem que todo esse peso vai nas costas, deixando a caminhada mais cansativa. Na mochila você deve levar: água (cerca de 1 litro por hora de caminhada, dependendo do clima), lanterna, protetor solar e kit de primeiros socorros são essenciais. Para os fotógrafos de plantão, uma câmera digital é a melhor opção para economizar bateria do celular e não ficar incomunicável em caso de emergência.

Preparação e partida

Aproveite a noite anterior para arrumar a mochila e recarregar as baterias da câmera e celular, e claro, suas energias também, com uma boa noite de sono. Vá para cama cedo, assim no dia seguinte você acordará muito mais disposto e aproveitará o dia desde o amanhecer. Antes de começar a trilha, faça alguns exercícios de alongamento para evitar lesões e cãibras. Ao chegar no parque, procure conversar com algum guarda florestal ou guia da região e se informe sobre as particularidades da area.

Aqui vão algumas dicas de trilhas pelo Brasil:

São Paulo – Trilha do Poção

Duração: 4 horas

Nível de dificuldade: Médio

Localização: Parque Estadual da Serra do Mar – Caraguatatuba

Você vai ver: Rios, corredeiras, cachoeiras, animais silvestres

Observações: A trilha só é possível com acompanhamento de monitores. Mais informações.

Rio de Janeiro – Pão de Açúcar

Duração: 30 minutos

Nível de dificuldade: Leve

Localização: Urca – Rio de Janeiro

Você vai ver: Animais silvestres, mata atlântica e uma das vistas mais bonitas da cidade

Observações: No topo você pode circular pela primeira etapa da estrutura do bondinho, onde há restaurantes e exposições. É possível descer de graça no bondinho, a partir das 19h.

Fortaleza – Serra da Aratanha

Duração: 2h30m

Nível de dificuldade: Médio

Localização: Pacatuba – CE

Você vai ver: Animais silvestres, cachoeiras e a nascente cristalina do rio Cocó

Observações: Serviço de guia é oferecido gratuitamente pela secretaria de turismo do município.

Para se informar sobre trilhas em outras cidades, confira nossas indicações: Mochileiros.com e Clube dos Aventureiros

Essas foram nossas dicas para curtir o feriado de 1º de maio com muita natureza e aventura. Boa sorte na sua caminhada!

Os comentários estão desativados.

© TeleListas 2016.